Medicamentos e Produtos Farmacêuticos Defeituosos

Entre as vítimas de medicamentos e produtos farmacêuticos representados pelo Escritório Leonardo Amarante estão cerca de 300 hemofílicos brasileiros contaminados com o vírus da Aids e da Hepatite B em transfusões com hemoderivados fabricados por laboratórios multinacionais. Uma ação de indenização está sendo movida nos Estados Unidos para indenizar essas vítimas. Em sua defesa, foi criado no Rio de Janeiro o Núcleo Jurídico de Apoio aos Hemofílicos, entidade que recebe assessoramento jurídico do Escritório Leonardo Amarante.